+Municípios em Campanha contra a COVID-19

Publicado em: 15 de Fevereiro de 2021 Atualizado em: 1 de Junho de 2021

 

Começou a campanha de vacinação contra a COVID-19 nos 139 municípios tocantinenses. Com a chegada das primeiras doses em janeiro, as equipes de imunização das secretarias Municipais de Saúde deram inicio ao processo de imunização de grupos prioritários. Os Municípios seguem recebendo as doses e preparando equipes e público-alvo para a vacinação. A Associação Tocantinense de Municípios (ATM) acompanha a ação e traz importantes orientações aos Municípios. 

 

 

 

 

VACINÔMETRO

 

DOSES RECEBIDAS                                                                                                                         DOSES DISTRIBUÍDAS                                                        

592.940                                                                                                                                              560.578

 

                                                                                                   DOSES APLICADAS         

 

1º DOSE                                                         2° DOSE                                                    TOTAL           % da população vacinada

264.248                                                          126.959                                                   291.207                       16,62%

                                                                     

 Fonte: Gerência de Imunização / SES-TO
Atualizado em: 01 de junho de 2021, às 14h27

CLIQUE AQUI E VEJA O QUANTITATIVO DE DOSES ENVIADAS POR ESTADO.

 

 

                                                                                                       PLANOS

 

Com o intuito de orientar as secretarias Municipais de Saúde dos Municípios tocantinenses, a ATM disponibiliza os planos de operacionalização de imunização elaborados pela União e pelo Estado, para que os dirigentes de Sáude possam ter ciência, e observem algumas diretrizes direcionadas ao Ente Municipal. 

 

Plano Nacional de Operacionalização da Vacina Contra a COVID-19. 

Plano Estadual de Operacionalização da Vacina Contra a COVID-19. 

 

 

 

PUBLICIDADE E TRANSPARÊNCIA SOBRE A VACINAÇÃO

  


  

A Associação Tocantinense de Municípios (ATM) traz orientação aos gestores municipais, em especial da área da Saúde, sobre procedimentos que deverão ser realizados pelas gestões municipais quanto à publicidade e transparência sobre a vacinação contra a COVID-19 nos Municípios.

Plano de Comunicação

Uma ampla campanha publicitária sobre a vacinação também deve ser realizada, orienta a ATM. Para auxiliar nesse processo, a Associação disponibiliza um Plano de Comunicação elaborado pela Confederação Nacional de Municípios (CNM) que traz diretrizes e estratégias pontuais a serem aplicadas pelas gestões municipais no processo de comunicação com a comunidade. 

Portal da Transparência

A ATM recomenda também as prefeituras que criem campo específico dentro dos Portais da Transparência para apresentar informações cruciais quanto à campanha de vacinação. Segundo a entidade, é uma opção a mais para trazer informações sobre esse processo. Informações sobre segurança e eficácia da vacina; grupos prioritários para vacinação e quantitativo; quantitativo de doses e insumos recebidos; placar/ vacinômetro: população a ser vacinada x número de doses aplicadas; quantitativo de salas de vacinação e profissionais de saúde para a aplicação podem ser apresentadas nesse campo específico do Portal.

SIPNI 

A ATM chama a atenção dos gestores também quanto ao registro das doses da vacina no Sistema Informação do Programa Nacional de Imunização (SIPNI), preconizado no Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação contra o coronavírus (Covid-19). Para tanto, os gestores da área da saúde devem conhecer os procedimentos para atualizar os cadastros dos cidadãos no âmbito do seu território, além de entender como proceder o registro das doses das vacinas no SIPNI. A ATM destaca que essa é a primeira vez que o Programa Nacional de Imunização (PNI) realizará uma campanha vacinal com a identificação nominal de cada usuário do Sistema Único de Saúde (SUS) que receber a dose da vacina.